Resenha | A Rainha Vermelha Destaque

Na coluna desta semana, Andréa Loureiro falará sobre o livro A Rainha Vermelha de Victoria Aveyard e que em breve se tornará filme. Confira:

 

Sinopse

A Rainha Vermelha - O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses. Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho? Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração.

Resenha

A autora Victoria Aveyard nos apresenta a um mundo completamente diferente em A Rainha Vermelha, onde a sociedade é dividida pelo sangue que corre nas veias dos cidadãos. De um lado vivem os vermelhos, que nasceram em condições precárias, miseráveis e vivem para servir e do outro lado estão os prateados, a elite, uma classe superior que possui poderes sobrenaturais que os tornam praticamente deuses.

O sistema político é organizado de uma forma em que somente a monarquia de Norta dita as leis. O reino vive em uma guerra que já dura por muitos anos e os vermelhos são convocados e enviados à linha de frente para serem usados como escudos humanos nessas guerras.

Em meio a tudo isso somos apresentados a Mare Barrow, uma jovem de sangue vermelho que vive com sua família em um paupérrimo vilarejo de Palafitas e está prestes a atingir a maioridade e ser chamada para servir no exército do rei Tiberias de Norta. Seus três irmãos mais velhos já foram enviados à guerra por não terem conseguido arranjar um emprego fixo antes de completarem dezoito anos, já sua irmã mais nova trabalha no castelo e os pais a consideram um exemplo que gostariam que Mare seguisse, porque a mesma comete roubos com frequência para ajudar no sustento da família, contudo isso os envergonha.

Com uma reviravolta do destino, Mare vai parar no palácio, começa a trabalhar lá e descobre que possui poderes que ela jamais imaginou que poderia ter. Uma rede de intrigas é formada e Mare precisará aprender a viver no mundo dos prateados enquanto tenta lutar por sua vida e pela liberdade de seu povo.

A Rainha Vermelha tem uma história incrível que mescla elementos diversos como poderes sobrenaturais, guerra, esperança e romance, o que chamou a atenção da produtora Universal e que já comprou os direitos do filme. O roteiro está sendo adaptado por Gennifer Hutchison de Breaking Bad e produzido por Benderspink de Efeito Borboleta e Pouya Shahbazian de Divergente. Enquanto o filme não sai, vamos conferir o booktrailer de A Rainha Vermelha:


Última modificação em Quinta, 06 Agosto 2015

Sobre o autor

Andréa Loureiro

Andréa Loureiro, carioca, jornalista pela Universidade Estácio de Sá. Já atuou na produção do Festival do Rio de Cinema; no programa Brasil Got Talent e na Imprensa de Jogos Mundiais Militares do CISM. Ela é colunista de Cultura no Satisfashion Brazil.

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Quem Somos

O Satisfashion Brazil conquistou em pouco tempo credibilidade e a confiança de seus leitores e parceiros, tornando-se referência em Moda e Cultura.

 

Últimos posts

Newsletter

Participe de nossas campanhas e informativos sobre tendência de moda e brindes